A ABRANGÊNCIA DAS SÉRIES TELEVISIVAS NO ENSINO DE CIÊNCIAS E/OU BIOLOGIA: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA

Authors

  • Simone Terezinha Grossklaus
  • Aline Lubyi
  • Diovana Aparecida Carvalho da Silva
  • Bruna Gibowski de Moraes
  • Eluiza Nakalski
  • Josi Mariano Borille
  • Camila Juraszeck Machado
  • Rosemari Monteiro Castilho Foggiatto Silveira

DOI:

https://doi.org/10.56083/RCV3N5-001

Keywords:

Série Televisiva, Ensino de Ciências, Ensino de Biologia

Abstract

Cada vez mais aumenta a busca por estratégias didático-pedagógicas que ultrapassem ou minimizem as dificuldades enfrentadas no processo de ensino-aprendizagem.  Nesse tocante, além de estratégia alternativa para a mediação didático-pedagógica, as Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação devem ser vistas e ressignificadas como recursos didáticos. Além do que, se deve ter um olhar atento para a Alfabetização Científica e Tecnológica tanto dos professores quanto dos estudantes, que demandam por olhares mais críticos e atentos, principalmente em decorrência das novas relações que ocorrem inteiramente mediadas por essas tecnologias. Esta revisão sistemática da literatura teve como objetivo identificar de que forma as séries televisivas têm sido utilizadas como subsídio para o ensino de Ciências e/ou Biologia. A pesquisa abrangeu a busca por artigos científicos, dissertações e teses associados nas bases de dados Biblioteca Digital Brasileira de Teses e Dissertações, Catálogo de Teses e Dissertações da CAPES e Google Acadêmico. Os termos de pesquisa foram: Série Televisiva, Série de TV, Série de Streaming, Narrativa Seriada, Ensino de Ciências e Ensino de Biologia. Os resultados evidenciaram que são escassos os estudos que relacionam o ensino de Ciências e/ou Biologia com as séries televisivas. Das quatro pesquisas encontradas, um dos trabalhos analisa veementemente a produção midiática sem, no entanto, aplicar o recurso em sala de aula; outro, faz a análise da série enquanto elemento de ensino, traz sugestões de estratégias a partir das análises, porém sem fazer a aplicação do recurso; enquanto que os demais, tanto analisaram quanto aplicaram tal recurso no ambiente escolar. Diante da escassez de trabalhos encontrados, necessita-se que sejam ampliadas as investigações que relacionam as séries televisivas e o ensino de Ciências e/ou Biologia, com intuito de fomentar o potencial dessa abordagem nos diferentes espaços formativos.

References

ANGOTTI, J. A. P. Ensino de Física com TDIC. 1. Ed., Florianópolis: UFSC - EAD - CED – CFM, 2015.Disponível em https://ced.ufsc.br/files/2016/01/Livro-Angotti.pdf. Acesso em 30 set. 2021.

AULER, D.; DELIZOICOV, D. Alfabetização científico-tecnológica para quê?. Ensaio Pesquisa em Educação em Ciências, Belo Horizonte,v. 3, n. 2, p. 122-134, 2001. DOI: https://doi.org/10.1590/1983-21172001030203

AULER, D. Enfoque ciência-tecnologia-sociedade: pressupostos para o contexto brasileiro. Ciência & Ensino, Piracicaba, V. 1, N. esp., 20 p., 2007.

BARCA, L. As Múltiplas imagens do cientista no cinema. Revista Comunicação & Educação, Ano X, N. 1, P. 31-39, 2005. DOI: https://doi.org/10.11606/issn.2316-9125.v10i1p31-39

CUNHA, M. B.; GIORDAN, M. A Imagem da Ciência no Cinema. Química nova na Escola, V. 31, N° 1, P. 9-17, 2009. Disponível em: http://qnesc.sbq.org.br/online/qnesc31_1/03-QS-1508.pdf. Acesso em: 30 set. 2021.

DANTAS, S. G. As séries televisivas no contexto da ficção nacional: uma aproximação. Vozes e Diálogo, V. 14, N. 2, 2015.

DELEUZE, G. Lógica do Sentido. 4ª ed., São Paulo: Editora Perspectiva, 2015.

FARY, B. A. Devir da química e vertigens da diferença: série Breaking Bad. 61f. Dissertação - Universidade Estadual de Londrina, Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática, Londrina, 2017.

FREITAS, W. G. Da S. O olhar complexo do licenciando em ciências biológicas sobre o transplante cardíaco e a série médica HOUSE MD como instrumento de potencialização do processo de ensino- aprendizagem. 163 f. Dissertação - Universidade Federal Rural de Pernambuco, Programa de Pós-Graduação em Ensino das Ciências, Recife 2016.

FRANCO, L. S. A série CSI e suas possibilidades como estratégia de ensino em Biologia. Dissertação - Universidade Federal da Bahia e Universidade Estadual de Feira de Santana, Programa de Pós-Graduação em Ensino, Filosofia e História das Ciências, Salvador, 2020.

LOPES, D. S.; ALVES, L. R. G. Potencialidades da Série de Tv Zoo para o ensino de Biologia. Revista Debates em Educação, v. 12, n. 27, 2020. DOI: https://doi.org/10.28998/2175-6600.2020v12n27p685-702

MACHADO, A. A televisão levada a sério. 1. ed. São Paulo, 2000.

MACHADO, C. J.; SILVEIRA, R. M.C. F. Interfaces entre cinema, ciência e ensino: uma revisão sistemática de literatura. Pro-Posições, V. 31, P. 1-31, 2020. DOI: https://doi.org/10.1590/1980-6248-2017-0190

MARTINS, S. P.; SANTOS, M.J.A profissão docente durante a pandemia: contribuições de um curso de formação continuada sobre as TDICs na educação. ForScience, Formiga, V. 9, N. 2, P. 1-17, 2021. DOI: https://doi.org/10.29069/forscience.2021v9n2.e943

MATTOS, C. Narrativa Seriada e Comunicação: Meios, Modos e Tempos. Texto Livre: Linguagem e Tecnologia, V. 11, N. 3, P. 268-280, 2018. DOI: https://doi.org/10.17851/1983-3652.11.3.268-280

OLIVEIRA, L. A.; GONÇALVES, J. P. O uso de filmes de ficção como recursos pedagógicos ou "ver por meio de uma gramática desconhecida". Holos, Natal, V. 7, P. 117-131, dez. 2018. Disponível em: https://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/HOLOS/article/view/4899/pdf. Acesso em: 30 set. 2021. DOI: https://doi.org/10.15628/holos.2018.4899

ROCHA, T. M.; SILVA, J. A. P.; HEERDT, B. O uso dos filmes de ficção científica para o ensino de ciências com enfoque ciência, tecnologia e sociedade: uma revisão sistemática da literatura. Revista Brasileira de Educação em Ciências e Educação Matemática, V.5, N.1, P. 129-151, 2021. DOI: https://doi.org/10.33238/ReBECEM.2021.v.5.n.1.26935

SANTOS, R. L. C. Ficção seriada televisiva e narrativa transmídia: uma análise do mundo ficcional multiplataforma de True Blood. 141 f. Dissertação. Universidade Federal da Bahia, Faculdade de Comunicação, Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas, Salvador, 2013.

SAMPAIO, R. F.; MANCINI, M. C. Estudos de revisão sistemática: um guia para síntese criteriosa da evidência científica. Revista Brasileira de Fisioterapia, V. 11, N.1, P. 83-89, 2007. DOI: https://doi.org/10.1590/S1413-35552007000100013

SILVA, M. V. B. Cultura das séries: forma, contexto e consumo de ficção seriada na contemporaneidade. Galaxia (São Paulo, Online), N. 27, P. 241-252, 2014. DOI: https://doi.org/10.1590/1982-25542014115810

SILVA, K. R.; SANTOS, F. G. P.; CUNHA, M.B. Ciência e Cinema: um olhar para as possibilidades no ensino de ciências. Arquivos do MUDI, V. 21, N. 03, P. 109-119, 2017.

SILVA, D. A. B. Contribuições da Ficção Científica para a Educação CTS no contexto da formação inicial de professores de Ciências e Biologia. 271 f. Dissertação (Faculdade de Formação de Professores) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências, Ambiente e Sociedade, São Gonçalo, 2019. Disponível em: http://www.pgeas.ffp.uerj.br/node/22. Acesso em 19 out. 2021.

SOUSA, M. R.; RIBEIRO, A. L. P. Revisão Sistemática e Meta-análise de Estudos de Diagnóstico e Prognóstico: um Tutorial. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, V. 92, n.3, P. 241-251, 2009. DOI: https://doi.org/10.1590/S0066-782X2009000300013

Published

2023-05-02

How to Cite

Grossklaus, S. T., Lubyi, A., da Silva, D. A. C., de Moraes, B. G., Nakalski, E., Borille, J. M., Machado, C. J., & Silveira, R. M. C. F. (2023). A ABRANGÊNCIA DAS SÉRIES TELEVISIVAS NO ENSINO DE CIÊNCIAS E/OU BIOLOGIA: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA. Revista Contemporânea, 3(5), 3407–3430. https://doi.org/10.56083/RCV3N5-001

Issue

Section

Articles