PUBERDADE PRECOCE, BAIXA ESTATURA E ANTICONCEPÇÃO EM PACIENTE COM SÍNDROME DE DOWN: REVISÃO DE LITERATURA

Authors

  • Laíse Fernanda Olinquevicz
  • Larissa Neckel Sela
  • Vilmair Zancanaro
  • Fábio Herget Pitanga

DOI:

https://doi.org/10.56083/RCV4N6-045

Keywords:

puberdade, anticoncepção, Down, vulnerável

Abstract

A puberdade precoce é definida pelo aparecimento das características sexuais e menarca antes do tempo, que é acompanhada da baixa estatura e pelo fechamento antecipado das epífises ósseas. Essa condição se torna prevalente em pessoas com síndrome de Down, que apresentam vulnerabilidade social, e déficit intelectual, necessitando uma abordagem individualizada. O tratamento no tempo correto pode trazer benefícios com uso de análogos de GnRH no retardo do fechamento das epífises e métodos contraceptivos, para evitar gravidez indesejada e auxílio na higiene menstrual, tendo conhecimento que alguns métodos possuem efeito na diminuição do fluxo. Esta revisão tem como objetivo abordar e compreender o manejo da puberdade precoce, baixa estatura e anticoncepção em paciente com Síndrome de Down. Foi realizada uma revisão da literatura, com enfoque exploratório e descritivo de abordagem qualitativa e procedimento bibliográfico retrospectivo. Dessa forma, salienta-se a importância de procurar auxílio médico em casos de puberdade precoce, uma vez que a demora pode acarretar atraso no diagnóstico, levando a baixa estatura final, menarca precoce e possível gestação indesejada.

References

ALMEIDA, Luiz. Métodos contraceptivos: uma revisão bibliográfica. 2010. Trabalho de conclusão de curso (Especialização em Saúde da Família) – Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG, 2010.

ARRUDA, Emanoela Priscila Toledo et al. Sexual practices during adolescence. Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia. Rio de Janeiro, v. 42, n. 11, p. 731-738, 2020. DOI: https://doi.org/10.1055/s-0040-1713411

AUSHUS, Richard; ROSENFIELD; Robert. Physiology and clinical manifestations of normal adrenarche. UptoDate. Uptodate.com, 2022.

BALTAR, Monique et al. Educação Sexual: Dificuldades dos Pais de Jovens com Síndrome de Down. Psicologia: Ciência e Profissão. Brasília, v. 43, n. 83, 2023. DOI: https://doi.org/10.1590/1982-3703003249352

BANGALORE, Krishna Kanthi, et al. Uso de análogos do hormônio liberador de gonadotrofinas em crianças: atualização por um consórcio internacional. Hormone Research in Paediatrics. 91(6):357-372. 2019. DOI:10.1159/000501336. DOI: https://doi.org/10.1159/000501336

BEREK, Jonathan S.; BEREK, Deborah L. Tratado de ginecologia.16 ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2016. E-book. ISBN 9788527738392.

BIRO, Frank; CHAN, Yee-Ming. Normal puberty. UptoDate. UptoDate.com, 2023.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Diretrizes de atenção à pessoa com Síndrome de Down. Brasília, DF: Ministério da Saúde.

CARVALHO, Cristiana. Conhecimentos sobre sexualidade: Construção e validação de um instrumento de avaliação para adolescentes em contexto escolar. Revista Portuguesa de Educação, [S. l.], v. 30, n. 2, p. 249–274, 2017. DOI: 10.21814/rpe.9032. DOI: https://doi.org/10.21814/rpe.9032

CASTELÃO, Talita; SCHIAVO, Márcio; JURBERG, Pedro. Sexualidade da pessoa com síndrome de Down. Revista De Saúde Pública, [S. l.], v. 37, n. 1, p. 32-39, 2003. DOI: https://doi.org/10.1590/S0034-8910200300010000. DOI: https://doi.org/10.1590/S0034-89102003000100007

CHACKO, Miriam. Contraception: Issues specific to adolescents. UptoDate. UptoDate.com, 2023.

CHOI, Keun Hee et al. Boys with precocious or early puberty: incidence of pathological brain magnetic resonance imaging findings and factors related to newly developed brain lesions. Annals of pediatric endocrinology & metabolism Coreia do Sul. vol. 18,4 183-90, 2013. DOI: https://doi.org/10.6065/apem.2013.18.4.183

DEHLENDORF, Christine. Contraception: Counseling and selection. UptoDate. UptoDate.com, 2022.

DESALVO, Daniel J et al. In children with premature adrenarche, bone age advancement by 2 or more years is common and generally benign. Journal of pediatric endocrinology & metabolism: JPEM. Washington. vol. 26,3-4: 215-21. doi:10.1515/jpem-2012-0283, 2013. DOI: https://doi.org/10.1515/jpem-2012-0283

EUGSTER, Erica A et al. Eficácia e Segurança do Implante Subdérmico de Histrelina em Crianças com Puberdade Precoce Central: Um Ensaio Multicêntrico. The Journal of Clinical Endocrinology & Metabolismo. Estados Unidos, Volume 92, Edição 5, páginas 1697–1704, 2007.

Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (FEBRASGO)Tratado de ginecologia. 1 ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2019.

FRANKLIN, Sherry L. Effects of unintentional exposure of children to compounded transdermal sex hormone therapy. Pediatric endocrinology reviews: PER. vol. 8,3: 208-12 2011.

FREIRE, Rosália Carmen de Lima; DUARTE, Nietsnie de Souza; HAZIN, Izabel. Fenótipo neuropsicológico de crianças com síndrome de Down. Psicologia em Revista, Belo Horizonte, v.18, n. 3, p. 354-372, 2012.

ERDOĞAN, Furkan; GÜVEN, Ayla. Is there a secular trend regarding puberty in children with down syndrome? Frontiers in endocrinology, [S. l.], v. 13 n.3, p. 354-372, 2022, doi:10.3389/fendo.2022.1001985. DOI: https://doi.org/10.3389/fendo.2022.1001985

GENAZZANI, Andrea R. et al. Hormonal and natural contraceptives: a review on efficacy and risks of different methods for an informed choice. Gynecological endocrinology: the official journal of the international society of gynecological endocrinology, 39(1) 2247093. DOI: 10.1080/09513590.2023.2247093. DOI: https://doi.org/10.1080/09513590.2023.2247093

HARRINGTON, Jennifer; PELMERT, Mark. Definition, etiology, and evaluation of precocious puberty - UpToDate. UptoDate, UptoDate.com. 2023.

JAHODA, Andrew; POWNALL, J. Sexual understanding, sources of information and social networks: The reports of young people with intelectual disabilities and their non-disabled peers. Journal of Intellectual Disability Research, [S. l.], v. 58, n. 5, p. 430-441, 2014. DOI: https://doi.org/10.1111/jir.12040

KAUNITZ, Andrew. Depot medroxyprogesterone acetate (DMPA): Formulations, patient selection and drug administration. UptoDate. UptoDate.com, 2023.

KIESS, Wieland et al. Puberdade - genes, ambiente e questões clínicas. Journal of Pediatric and Endocrinology and Metabology. Nova York, 29 (11):1229-123, 2016.

LASMAR, Ricardo B. et al. Tratado de Ginecologia. Rio de Janeiro: Grupo GEN, 2017. E-book. ISBN 9788527732406.

MADDEN, Tessa. Intrauterine contraception: Candidates and device selection. UptoDate. UptoDate.com, 2023.

OSTERMAIER, Kathryn. Down syndrome: Clinical features and diagnosis. UptoDate, UptoDate.com, 2022.

PAULA, Leila; PUÑALES, Marcia. Puberdade Precoce. Sociedade Brasileira de Pediatria, 2016.

PORTES, João Rodrigo et al. A criança com síndrome de Down: na perspectiva da Teoria Bioecológica do Desenvolvimento Humano, com destaque aos fatores de risco e de proteção”. Bol. Academia Paulista de Psicologia, São Paulo, v. 33, n. 85, p. 446-464, 2013.

ROGOL, Alan D; RICHMOND, Erick J. Tratamento da deficiência de hormônio do crescimento em crianças. UpToDate. UptoDate.com, 2023.

SANCTIS, V de et al. Etiology of central precocious puberty in males: the results of the Italian Study Group for Physiopathology of Puberty. Journal of pediatric endocrinology & metabolism: JPEM. Itália, vol. 13 Suppl 1: 687-93, 2000. doi:10.1515/jpem.2000.13 s1.687 DOI: https://doi.org/10.1515/JPEM.2000.13.S1.687

SIEMASZKO, K et al. Menarca, ciclos menstruales e higiene menstrual en adolescentes con síndrome de Down. Revista da Sociedade Argentina de Ginecologia Infanto Juvenil. Argentina, v. 5, n. 2, p. 57-63, 1998.

SILVERTHORN, Dee Unglaub. Fisiologia humana: uma abordagem integrada. 7. ed. Porto Alegre: Artmed, 2017.

TEILMANN, Grete et al. Prevalence and incidence of precocious pubertal development in Denmark: an epidemiologic study based on national registries. Pediatrics. Dinamarca. vol. 116,6:1323-8, 2005. doi:10.1542/peds.2005-0012. DOI: https://doi.org/10.1542/peds.2005-0012

TRUJILLO, Marcela Vargas et al. Importância de individualizar as decisões de tratamento em meninas com puberdade precoce central ao iniciar o tratamento após os 7 anos de idade ou continuar além de uma idade cronológica de 10 anos ou uma idade óssea de 12 anos. Journal Pediatric of Endocrinology and Metabology. Itália; 34(6):733-739. 2021.

VELDHUIS, Johannes D et al. Endocrine control of body composition in infancy, childhood, and puberty. Endocrine reviews. vol. 26: 114-46 2005. doi:10.1210/er.2003-0038. DOI: https://doi.org/10.1210/er.2003-0038

WANDRESEN, Gustavo et al. Preocupações com os aspectos ginecológicos de meninas e mulheres brasileiras com síndrome de Down: um estudo transversal da opinião de cuidadores. In: Anais de Medicina de Família, p. 322-326; 2023. DOI: https://doi.org/10.1370/afm.2993. DOI: https://doi.org/10.1370/afm.2993

Published

2024-06-05

How to Cite

Olinquevicz, L. F., Sela, L. N., Zancanaro, V., & Pitanga, F. H. (2024). PUBERDADE PRECOCE, BAIXA ESTATURA E ANTICONCEPÇÃO EM PACIENTE COM SÍNDROME DE DOWN: REVISÃO DE LITERATURA. Revista Contemporânea, 4(6), e4618 . https://doi.org/10.56083/RCV4N6-045

Issue

Section

Articles