EFEITO DA DEPRESSÃO PÓS-PARTO NA AMAMENTAÇÃO: REVISÃO INTEGRATIVA

Authors

  • Amanda Carla Oliveira Azevedo
  • Maria Eduarda Escórcio Coelho
  • Olívia Vasconcelos Melo Soares
  • Antonielly Campinho dos Reis

DOI:

https://doi.org/10.56083/RCV4N6-014

Keywords:

depressão pós parto, amamentação, depressão puerperal, baby blues

Abstract

A depressão pós-parto (DPP) é um transtorno mental e comportamental associado ao puerpério.  Esse período é caracterizado por inúmeras mudanças psicológicas, fisiológicas e sociais. Essa pesquisa teve como objetivo evidenciar na literatura científica o efeito da depressão pós-parto na amamentação. O estudo foi conduzido por meio de uma revisão integrativa. Para formular a questão de pesquisa utilizou-se a estratégia PICo, sendo P - gestantes; I – Amamentação e Co – depressão pós parto. Assim, a questão de pesquisa delimitada é:  Qual o efeito da depressão pós parto na amamentação?  Os dados foram coletados nas bases de dados Medline e Lilacs utilizando os descritores: Depressão pós parto AND Amamentação AND Depressão puerperal. Foram incluídos onze (11) artigos científicos que contemplam a temática, publicados no período de 2019 a 2024, nos idiomas português, inglês e espanhol. A maioria dos estudos demonstram que o desenvolvimento da depressão pós-parto não parece estar associado à amamentação incompleta. No entanto, deve haver outros fatores de risco associados ao desenvolvimento de depressão pós-parto. Um estudo mais amplo é necessário para esclarecer esses fatores.

References

ALVES, J.S.; OLIVEIRA, M.I.C.; RITO, R.V.V.F. Orientações sobre amamentação na atenção básica a saúde e associação com o aleitamento materno exclusivo. Ciênc. Saúde Colet.. v.23, n. 4, p. 1077-1088, 2018. DOI: https://doi.org/10.1590/1413-81232018234.10752016

ALVES, S. et al. Preliminary Psychometric Testing of the Postpartum AMERICAN PSYCHIATRIC ASSOCIATION. Manual diagnóstico e estatístico de transtornos mentais. 5 ed. Porto Alegre: Artmed; 2014.

ARRAIS, A.R.; MOURÃO M.A.; FRAGALLE. O pré-natal psicológico como programa de prevenção à depressão pós-parto. Saúde soc. v.23 n.1, 2014. DOI: https://doi.org/10.1590/S0104-12902014000100020

BRASIL. Ministério da Saúde. Depressão: causas, sintomas, tratamentos, diagnóstico e prevenção. Brasília: Ministério da Saúde, 2020.

BRASIL. Ministério da Saúde. Parto, aborto e puerpério: assistência humanizada à mulher. Brasília: Editora; 2018.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Políticos de Saúde. Área Técnica de Brasília: v.1, n. 1, p.54-58, 2001.

BUGAEVA, P.; ARKUSHA, I.; BIKAEV, R.; KAMENSKIY, I.; POKROVSKAYA, A.; EL-TARAVI, Y.; CASO, V.; AVEDISOVA, A.; CHU, D.K.; GENUNEIT, J.; TORBAHN, G.; NICHOLSON, T.R.; BAIMUKHAMBETOVA, D.; MURSALOVA, A.; KOLOTILINA, A.; GADETSKAYA, S.; KONDRIKOVA, E.; ZINCHUK, M.; AKZHIGITOV, R.; BOYLE, R.J.; GUEKHT, A.; MUNBLIT, D. Association of breastfeeding with mental disorders in mother and child: a systematic review and meta-analysis. BMC Med. v. 16, n, 21, p. 393, 2023. DOI: https://doi.org/10.1186/s12916-023-03071-7

BUTLER, M. S.; YOUNG, S.L.; TUTHILL, E.L. Perinatal depressive symptoms and breastfeeding behaviors: A systematic literature review and biosocial research agenda. J Affect Disord.v.15; n.283, p. 441–471, 2021. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jad.2020.11.080

CARVALHO, G.M. Enfermagem em Obstetrícia. São Paulo: E.P.U.; 2002.

CASTATIGLIONI, C. M et al, Práticas de cuidado no puerpério desenvolvidas por enfermeiras em Estratégias de Saúde da Família. Revista de Enfermagem da UFSM, 2020. DOI: https://doi.org/10.5902/2179769237087

CHIU, H.C.; WANG, H.Y.; HSIAO, J.C. TZENG, S.I.; YANG, G.T.; WU, M.Y.; CHANG, Y.K. Early breastfeeding is associated with low risk of postpartum depression in Taiwanese women. J Obstet Gynaecol, v.40, n. 2, p.160-166, 2020. DOI: https://doi.org/10.1080/01443615.2019.1603216

COO, S.; GARCIA, M.I.; MIRA, A.; VALDÉS, V. The Role of Perinatal Anxiety and Depression in Breastfeeding Practices. Breastfeeding Medicine. v.15, n.8, 2020. DOI: https://doi.org/10.1089/bfm.2020.0091

CORRÊA, M. et al. Acolhimento no cuidado à saúde da mulher no puerpério.” Cadernos de Saúde Pública 2017. DOI: https://doi.org/10.1590/0102-311x00136215

HARTMANN, J.M.,MENDOZA-SASSI, R.A.,CESAR, J.A. Depressão entre puérperas: prevalência e fatores associados. Cad Saúde Pública. v.33, n. 9, e00094016, 2017. DOI: https://doi.org/10.1590/0102-311x00094016

KIM, S.; MIHYEON, M.S.N.; AHN, S. he Impact of Antepartum Depression and Postpartum Depression on Exclusive Breastfeeding: A Systematic Review and Meta-Analysis. Clinical Nursing Research. v.31, n.5, 2021. DOI: https://doi.org/10.1177/10547738211053507

MEDEIROS, L.; COSTA, A.C. Período puerperal: a importância da visita domiciliar para enfermeiros da Atenção Primária à Saúde.” Redalyc, 2016.

MENDES, K. D. S.; SILVEIRA, R. C. C. P.; GALVÃO, C. M. Revisão integrativa: método de pesquisa para a incorporação de evidências na saúde e na enfermagem. Texto contexto – enferm. Florianópolis, v. 17, n. 4, p. 758-64, 2008. DOI: https://doi.org/10.1590/S0104-07072008000400018

MERCAN, Y.; SELCUK, K.T. Association between postpartum depression level, social support level and breastfeeding attitude and breastfeeding self-efficacy in early postpartum women. PLOS ONE. v.16, n. 4, e0249538. doi: 10.1371/journal.pone.0249538. eCollection, 2021. DOI: https://doi.org/10.1371/journal.pone.0249538

MIKSI, S.; UGLESI, B. JAKAB, J.; HOLIK, D.; MILOSTI, A.; DEGME, D. Positive Effect of Breastfeeding on Child Development, Anxiety, and Postpartum Depression. Int. J. Environ. Res. Public Health, v.17, n. 2725, 2020. DOI: https://doi.org/10.3390/ijerph17082725

MINAMIDA, T.; ISEKI, A.; SAKAI, H.; IMURA, M.; OKANO, T.; TANII, H. Do postpartum anxiety and breastfeeding self-efficacy and bonding at early postpartum predict postpartum depression and the breastfeeding method?. Infant Mental Health Journal. v. 41, n.5, p. 585-737, 2020. DOI: https://doi.org/10.1002/imhj.21866

POPE, C.J.; MAZMANIAN, D.; BÉDARD, M.; SHARMA, V. Breastfeeding and postpartum depression: Assessing the influence of breastfeeding intention and other risk factors. J Affect Disord. v. 200, p. 45-50, 2016. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jad.2016.04.014

Programa de prevenção à depressão pós-parto. 2014. Saúde Soc. São Paulo, Saúde da Mulher. Parto, aborto e puerpério: assistência humanizada à mulher.

SOUZA, M. T.; SILVA, M. D.; CARVALHO, R. Integrative review: whatis it? How to do it? Einstein, São Paulo, v. 8, n. 1, p. 102-6, 2010. DOI: https://doi.org/10.1590/s1679-45082010rw1134

SUZUKI, S. Relationship between postpartum depression and lactation status at a Japanese perinatal center: A cross-sectional study. First published: v. 4, n. 8, 2019. DOI: https://doi.org/10.12688/f1000research.20704.1

TEIXEIRA, E. et al. Integrativeliteraturereviewstep-by-step&convergenceswithothermethodsofreview. Rev Enferm UFPI, Teresina, v. 2, n. spe, p. 3-7, 2013.

TEIXEIRA, P. D. C. et al., Cuidados de enfermagem no período pós parto: Um enfoque na atuação do enfermeiro diante as complicações puerperais. Nursing, p. 3436-3446, 2019 uma análise retrospectiva e contextual. Acta Colombiana de Psicologia, São v.23, n.1, p.251-264, 2014 2. Disponível em: v.308, n.1, p. 512-519, 2022.

XIA, M., LUO, J.; WANG, J.; LIANG, Y. Association between breastfeeding and postpartum depression: A meta-analysis. Journal of Affective Disorders. v.308, n.1, p. 512-519, 2022. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jad.2022.04.091

Published

2024-06-04

How to Cite

Azevedo, A. C. O., Coelho, M. E. E., Soares, O. V. M., & Reis, A. C. dos. (2024). EFEITO DA DEPRESSÃO PÓS-PARTO NA AMAMENTAÇÃO: REVISÃO INTEGRATIVA. Revista Contemporânea, 4(6), e4583 . https://doi.org/10.56083/RCV4N6-014

Issue

Section

Articles