PROTOCOLOS DE REABILITAÇÃO PULMONAR NO AMBIENTE DOMICILIAR NÃO SUPERVISIONADOS EM PACIENTES COM DOENÇA PULMONAR OBSTRUTIVA CRÔNICA: REVISÃO SISTEMÁTICA

Authors

  • Ana Paula Mendes dos Santos
  • Isadora Kamilly de Carvalho Lima
  • Saulo Araújo de Carvalho

DOI:

https://doi.org/10.56083/RCV4N5-002

Keywords:

DPOC, protocolos de reabilitação pulmonar, reabilitação pulmonar domiciliar não supervisionado, qualidade de vida

Abstract

Introdução: A Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica é uma condição pulmonar heterogênea caracterizada por sintomas respiratórios crônicos, como dispneia, tosse e escarro, devido a anormalidades nas vias aéreas, bronquite e/ou enfisema, causando obstrução ao fluxo aéreo de forma persistente e progressiva. Devido a essas condições que os pacientes se encontram, a reabilitação pulmonar (RP) pode auxiliar na melhora da qualidade de vida (QV) dos mesmos. A RP no ambiente domiciliar pode ser uma alternativa eficaz para diminuir os custos e aumentar adesão ao tratamento, sendo um modelo alternativo que poderia melhorar a captação e o acesso para os pacientes, composta por várias ações, além do treinamento físico, como o programa de educação e autocuidado, trabalhando o indivíduo como um todo. Métodos: Esta pesquisa trata-se de uma revisão sistemática qualitativa de caráter observacional. A busca deu início em 2024, através das bases de dados PUBMED, PEDro e CENTRAL. Resultados: O quadro 1 exibe a avaliação metodológica de acordo com a escala de qualidade escala PEDro e o quadro 2 contempla algumas características relacionadas aos estudos selecionados. Conclusão: Os protocolos RP não supervisionados no ambiente domiciliar em pacientes com DPOC são eficazes, seguros, reduzem custos e aumentam a adesão ao tratamento podendo ser uma alternativa aos protocolos de RP convencionais realizados em centros de RP.

References

DIAS, F. et al. Home-based pulmonary rehabilitation in patients with chronic obstructive pulmonary disease: a randomized clinical trial. International journal of chronic obstructive pulmonary disease, v. 8, p. 537, 2013. Disponível em: https://www.dovepress.com/home-based-pulmonary-rehabilitation-in-patients-with-chronic-obstructi-peer-reviewed-fulltext-article-COPD. Acesso em: 20 março. 2024. DOI: https://doi.org/10.2147/COPD.S50213

EVANS, R. The assembly on pulmonary rehabilitation. New York, 13 maio 2023. Disponível em: https://www.thoracic.org/members/assemblies/assemblies/pr/. Acesso em: 18 out. 2023.

GOLD (GLOBAL INITIATIVE FOR CHRONIC OBSTRUCTIVE PULMONARY DISEASE). Dia Mundial da DPOC. 2023. Disponível em: https://sbpt.org.br/portal/t/gold/. Acesso em: 25 out. 2023.

GUSHKEN, F. et al. Barriers to enrollment in pulmonary rehabilitation: medical knowledge analysis. Einstein (Sao Paulo, Brazil), v. 19, p. eAO6115, 2021. Disponível em: https://www.scielo.br/j/eins/a/zGspTBnFZzr8Kqmq5TrLK3w/?lang=pt&format=pdf. Acesso em: 18 out. 2023. DOI: https://doi.org/10.31744/einstein_journal/2021AO6115

HOLLAND, A. E. et al. Home-based rehabilitation for COPD using minimal resources: a randomised, controlled equivalence trial. Thorax, v. 72, n. 1, p. 57–65, 2017. Disponível em: https://thorax.bmj.com/content/72/1/57. Acesso em: 20 março. 2024. DOI: https://doi.org/10.1136/thoraxjnl-2016-208514

LAHHAM, A. et al. The impact of home‐based pulmonary rehabilitation on people with mild chronic obstructive pulmonary disease: A randomised controlled trial. The clinical respiratory journal, v. 14, n. 4, p. 335–344, 2020. Disponível em: https://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1111/crj.13138. Acesso em 20 março.2024. DOI: https://doi.org/10.1111/crj.13138

LANGER, D. et al. Efficacy of a novel method for inspiratory muscle training in people with chronic obstructive pulmonary disease. Physical therapy, v. 95, n. 9, p. 1264–1273, 2015. Disponível em: https://www.cochranelibrary.com/central/doi/10.1002/central/CN-01066426/full?cookiesEnabled. Acesso em: 20 março. 2024. DOI: https://doi.org/10.2522/ptj.20140245

SEIXAS, M. B.; RICARDO, D. R.; RAMOS, P. S. Reabilitação Domiciliar com exercício não supervisionado na DPOC: revisão sistemática. Revista brasileira de medicina do esporte, v. 22, n. 4, p. 320–325, 2016. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rbme/a/C5rP4GKgqtwgfRWnTsL9VCd/?format=pdf&lang=pt. Acesso em: 18 out. 2023. DOI: https://doi.org/10.1590/1517-869220162204150806

STRIJBOS, J. H. et al. A comparison between an outpatient hospital-based pulmonary rehabilitation program and a home-care pulmonary rehabilitation program in patients with COPD. Chest, v. 109, n. 2, p. 366–372, 1996. Disponível em: https://journal.chestnet.org/article/S0012-3692(15)45661-2/abstract. Acesso em: 20 março. 2024. DOI: https://doi.org/10.1378/chest.109.2.366

VELLOSO, Marcelo; JARDIM, José Roberto (ed.). Funcionalidade do paciente com doença pulmonar obstrutiva crônica e técnicas de conservação de energia. Jornal Brasileiro de Pneumologia, [S.L.], v. 32, n. 6, p. 580-586, dez. 2006. FapUNIFESP (SciELO). http://dx.doi.org/10.1590/s1806-37132006000600017. Disponível em: https://www.scielo.br/j/jbpneu/a/jpqcSNtmGVbLJ8vw4gmBMyN/#. Acesso em: 18 out. 2023. DOI: https://doi.org/10.1590/S1806-37132006000600017

Published

2024-05-02

How to Cite

Santos, A. P. M. dos, Lima, I. K. de C., & Carvalho, S. A. de. (2024). PROTOCOLOS DE REABILITAÇÃO PULMONAR NO AMBIENTE DOMICILIAR NÃO SUPERVISIONADOS EM PACIENTES COM DOENÇA PULMONAR OBSTRUTIVA CRÔNICA: REVISÃO SISTEMÁTICA. Revista Contemporânea, 4(5), e4152. https://doi.org/10.56083/RCV4N5-002

Issue

Section

Articles