EXPLORANDO O APRENDIZADO DE CIÊNCIAS A PARTIR DO DESENVOLVIMENTO DE APLICATIVO VIA INTERNET CONTENDO VÍDEOS EDITADOS PARA PROJEÇÕES HOLOGRÁFICAS E CONTEÚDOS CORRELATOS

Authors

  • Amélia Santana Nogueira
  • Rodrigo Sá de Jesus
  • Antonio Edsom Carvalho Filho
  • Fernando Remígio Tamariz Luna
  • Roberto Carlos Felício
  • Antonio de Santana Santos

DOI:

https://doi.org/10.56083/RCV4N5-005

Keywords:

aplicativo, holografia, ensino de química, TDIC

Abstract

O presente trabalho emprega as novas Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDICs) associadas às projeções holográficas para maximizar o entendimento abstrato exigido em conteúdo de química, onde elementos visuais, interativos e de três dimensões são de muita relevância. Este trabalho consistiu no desenvolvimento e associação de quatro eixos principais: (1) Construção da pirâmide para projeções holográficas; (2) Edição de vídeos de conteúdo de química e ciências para formato que permita projeções holográficas; (3) desenvolvimento de aplicativo via internet para aparelhos móveis como smartphone e tablets e (4) apresentação dessas ferramentas educacionais para discentes do ensino médio. Os vídeos foram editados usando-se alguns recursos do Powerpoint já o aplicativo foi desenvolvido com base na plataforma gratuita Kodular Creator, neste ambiente foi gerado todo código fonte do aplicativo, posteriormente, fez-se a configuração externa do aplicativo utilizando o banco de dados gratuito denominado Firebase. O aplicativo permite atualizações constantes, portanto, novos assuntos, novos vídeos e novas ideias podem ser incorporados ao sistema, deixando-o atualizado. Em relação a demonstração das ferramentas foi constatado o efeito motivacional positivo, além da predisposição dos alunos em compreender fenômenos moleculares do universo da química. Destaca-se também a participação efetivamente dos alunos na melhoria dessa ferramenta, ou seja, através da atualização do sistema levando-se em conta as sugestões pertinentes sugeridas por eles.

References

ANJOS, A. M.; SILVA, G. E. G. MEC – Universidade aberta para todos. Tecnologias Digitais da Informação e da Comunicação (TDIC) na Educação. Secretaria de Tecnologia Educacional Universidade Federal de Mato Grosso, 2018.

BATISTA, C F. C. O uso de ferramentas digitais no ensino remoto. Revista Educação Pública, v. 21, n. 43, 2021.

Disponível em: https://educacaopublica.cecierj.edu.br/artigos/21/43/o-uso-de-ferramentas-digitais-no-ensino-remoto

CANTANHEDE, L.B.; CANTANHEDE, S.C.S. Tecnologias digitais da informação e comunicação (TDIC) como estratégia no ensino de química: blog, uma ferramenta para potencializar o conhecimento químico. ENCITEC - Ensino de Ciências e Tecnologia em Revista, v. 10, n. 3., p. 57-72, 2020. DOI: https://doi.org/10.31512/encitec.v10i3.2957

CARDOSO, T. M. A Aplicação das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) no Ambiente Escolar. Revista iTEC, v. 3, n. 3, dez. 2011.

CIEB, Centro de Inovação para a Educação Brasileira, Tecnologia para promover qualidade e equidade na educação básica, (2018) Disponível em: https://cieb.net.br/tecnologia-para-promover-qualidade-e-equidade-na-educacao-basica. Acesso em 12/02/2024.

ERBAS, C.; DEMIRER, V. The effects of augmented reality on students’ academic achievement and motivation in a biology course. Journal of Computer Assisted Learning, v. 35, n. 3, p. 450-458, 2019. DOI: https://doi.org/10.1111/jcal.12350

ESPÍNDOLA, M. B.; GIANNELLA, T.R. Tecnologias digitais de informação e comunicação no ensino de ciências e da saúde: análise das formas de integração de ambientes virtuais de aprendizagem por professores universitários. R. Bras. Ens. Ci. Tecnol., v. 11, n. 2, p. 189-210, 2018. DOI: https://doi.org/10.3895/rbect.v11n2.5978

FERNANDES, D. M. S. A utilização de Softwares educacionais na diminuição da abstração no ensino-aprendizagem de Química em nível superior. Monografia (Graduação em Licenciatura em Química). IFCE, Quixadá, 2014.

GIORDAN, M. Computadores e linguagens nas aulas de ciências: uma perspectiva sociocultural para compreender a construção de significados. Ijuí: Ed. Unijuí, 2008. 325 p.

GUIMARÃES, S. E. R.; BORUCHOVITCH, E. O Estilo Motivacional do Professor e a Motivação Intrínseca dos Estudantes: Uma Perspectiva da Teoria da Autodeterminação. Psicologia: Reflexão e Crítica, v. 17, n.2, p.143-150, 2004. DOI: https://doi.org/10.1590/S0102-79722004000200002

JUNIOR, L. M.; MARTINS, R. E. M. W.; DIAS, J. Tecnologias digitais da informação e comunicação: o ensino de geografia e a apropriação conceitual. Rev. FAEEBA, v. 32, n. 69, p. 223-237, 2023. DOI: https://doi.org/10.21879/faeeba2358-0194.2023.v32.n69.p223-237

JUNIOR, R. B.; MACEDO, M. O uso das tecnologias digitais da comunicação e informação (TDICs) em sala de aula. RECIMA21 - revista científica multidisciplinar, v. 4, n. 2, 2023. DOI: https://doi.org/10.47820/recima21.v4i2.2817

KENSKI, V. M. Educação e tecnologias: o novo ritmo da informação. Campinas, SP: Papirus, 2009.

LIMA, L. G. A Abstração no Ensino Aprendizagem da Física: Contribuições da Teoria dos registros de Representação Semióticas na Resolução de Problemas. 2018, 243 f. Tese de Doutorado (Ensino de Ciências e Matemática), Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo.

LÜCKE, M.; ANDRÉ, M. E. D. A. Pesquisa em Educação – abordagens qualitativas. São Paulo, Editora E.P.U.; 2ª edição 2013.

MENEZES, D. C. F.; CHARLOT, V. A. C. S.; ARAUJO, E. G. As Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDIC) e a relação com o saber no processo de ensino e aprendizagem do Cálculo como objeto de estudo. Rev. de Ens. de Ciênc. e Mat-RenCiMa, v. 14, n. 1, p. 1-17, 2023. DOI: https://doi.org/10.26843/rencima.v14n1a22

NETO, M. B. S.; ALMEIDA, S. N.; FEITOSA, R. A. Uso de objetos de aprendizagem para abstração no ensino de química: estado da arte. Caminhos da Educação Matemática em Revista/Online, v. 8, n. 2, p. 128-140. 2018.

OTERO, M. R.; LLANOS, V. C.; GAZZOLA, M. P. Recursos en la escuela secundaria en la modalidad on-line: analisis de una encuesta. Rev. Int. de Pesq. em Didática das Ciências e Matemática (RevIn), v. 4, e023003, 2023

SCHIVANI, M.; SOUZA, G. F.; PEREIRA, E. Pirâmide “holográfica”: erros conceituais e potencial didático. Rev. Bras. Ensino Fís., v. 40, e2506, 2017. DOI: https://doi.org/10.1590/1806-9126-rbef-2017-0186

TEIXEIRA, L. H. O. Abordagem Tradicional de Ensino e Suas Repercussões Sob a Percepção de um Aluno. Revista Educação em Foco, n. 10, p. 93-103, 2018,

YOO, H.; JANG, J.; OH, H.; PARK. I. The potentials and trends of holography in education: A scoping review. Computers & Education, v. 186, p. 1-16, 2022. DOI: https://doi.org/10.1016/j.compedu.2022.104533

Published

2024-05-02

How to Cite

Nogueira, A. S., Jesus, R. S. de, Carvalho Filho, A. E., Luna, F. R. T., Felício, R. C., & Santos, A. de S. (2024). EXPLORANDO O APRENDIZADO DE CIÊNCIAS A PARTIR DO DESENVOLVIMENTO DE APLICATIVO VIA INTERNET CONTENDO VÍDEOS EDITADOS PARA PROJEÇÕES HOLOGRÁFICAS E CONTEÚDOS CORRELATOS. Revista Contemporânea, 4(5), e3999. https://doi.org/10.56083/RCV4N5-005

Issue

Section

Articles