DESAFIOS NUTRICIONAIS NA POPULAÇÃO INFANTIL EM CONTEXTO DE BAIXA RENDA

Authors

  • Ana Paula Souza Lopes
  • Mikaelly Cardoso Pitombeira
  • Alessandra Cedro da Silva Santos

DOI:

https://doi.org/10.56083/RCV3N11-118

Keywords:

Estado Nutricional, Deficiências Nutricionais, Baixa Renda

Abstract

A pesquisa aborda os desafios nutricionais enfrentados pela população infantil em situação de baixa renda, reconhecendo a urgente necessidade de entender e enfrentar esse problema. Ter uma alimentação saudável é indispensável para o desenvolvimento motor, neural e físico na infância. Em vista disso, compreender a gravidade do problema, auxilia na identificação de medidas a serem tomadas em prol da melhor qualidade de vida dessas crianças. Objetivo: Identificar os principais obstáculos e carências nutricionais que dificultam o acesso à alimentação saudável na população infantil de baixa renda, assim como relacionar o acesso à alimentação com base em diferenças regionais e analisar a eficácia e a acessibilidade de programas governamentais de assistência alimentar. Metodologia: Esta pesquisa foi conduzida por meio de uma revisão bibliográfica abrangente, utilizando base de dados como Scielo e Google acadêmico, para buscar estudos publicados de 2014 a 2022. Os DeCS utilizados foram “Estado nutricional”, “Deficiências nutricionais”, “Baixa renda” e “Insegurança alimentar”, além disso suas respectivas traduções, “Nutritional Status”, “Nutritional deficiencies”, “Low income” e “Food insecurity”. Resultados: discussão aprofundada sobre questões nutricionais que afetam a população infantil em tais contextos, cumprindo com sucesso os objetivos de pesquisa. Conclusão: O estudo enfatiza desafios socioeconômicos e na segurança alimentar, necessitando de políticas regionais, melhorias nos programas de assistência e colaboração interdisciplinar para futuras pesquisas.      

References

ALMEIDA, A.T.C.de. et al. Impactos do programa Bolsa Família sobre a diversificação do consumo de alimentos no Brasil. Pesquisa e Planejamento Econômico, v. 46, n. 1, p. 8-39, abr. 2016. Disponível em: https://repositorio.ipea.gov.br/bitstream/11058/6645/1/PPE_v46_n01_Impactos.pdf

ARAÚJO, T.S. de. et al. Desnutrição infantil em um dos municípios de maior risco nutricional do Brasil: estudo de base populacional na Amazônia ocidental brasileira. Revista Brasileira de Epidemiologia, [S.L.], v. 19, n. 3, p. 554-566, set. 2016. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1980-5497201600030007. DOI: https://doi.org/10.1590/1980-5497201600030007

BEZERRA, M.S. et al. Insegurança alimentar e nutricional no Brasil e sua correlação com indicadores de vulnerabilidade. Ciência & Saúde Coletiva, [S.L.], v. 25, n. 10, p. 3833-3846, out. 2020..

http://dx.doi.org/10.1590/1413-812320202510.35882018. DOI: https://doi.org/10.1590/1413-812320202510.35882018

CABRAL, C.S. et al. Segurança alimentar, renda e Programa Bolsa Família: estudo de coorte em municípios do interior da paraíba, brasil, 2005-2011. Cadernos de Saúde Pública, [S.L.], v. 30, n. 2, p. 393-402, fev. 2014. http://dx.doi.org/10.1590/0102-311x00140112. DOI: https://doi.org/10.1590/0102-311X00140112

DOS SANTOS, F.P.C. et al. NUTRITIONAL CONDITION OF CHILDREN WHO BENEFIT FROM THE “BOLSA FAMÍLIA” PROGRAMME IN A CITY OF NORTHWESTERN SÃO PAULO STATE, BRAZIL. Journal of Human Growth and Development, v. 25, n. 3, p. 313, 25 out. 2015. Disponível em: https://doi.org/10.7322/jhgd.106003. DOI: https://doi.org/10.7322/jhgd.106003

FERGUS, L. et al. Nutrition Interventions in Low-Income Rural and Urban Retail Environments: a systematic review. Journal Of The Academy Of Nutrition And Dietetics, [S.L.], v. 121, n. 6, p. 1087-1114, jun. 2021. Elsevier BV. http://dx.doi.org/10.1016/j.jand.2020.12.018. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jand.2020.12.018

LIMA, G.D. et al. Quilombola Communities in Brazil, aspects of Food and Nutrition Security – Literature review. International Journal of Advanced Engineering Research And Science, [S.L.], v. 9, n. 1, p. 164-170, 2022. AI Publications. http://dx.doi.org/10.22161/ijaers.91.20. DOI: https://doi.org/10.22161/ijaers.91.20

PEREIRA, I.F.da.S. et al. Estado nutricional de menores de 5 anos de idade no Brasil: evidências da polarização epidemiológica nutricional. Ciência & Saúde Coletiva, [S.L.], v. 22, n. 10, p. 3341-3352, out. 2017. http://dx.doi.org/10.1590/1413-812320172210.25242016. DOI: https://doi.org/10.1590/1413-812320172210.25242016

RIBEIRO-SILVA, R.de.C. et al. Implicações da pandemia COVID-19 para a segurança alimentar e nutricional no Brasil. Ciência & Saúde Coletiva, [S.L.], v. 25, n. 9, p. 3421-3430, set. 2020.

http://dx.doi.org/10.1590/1413-81232020259.22152020. DOI: https://doi.org/10.1590/1413-81232020259.22152020

SALIMO, Z. M. EFEITOS DA DESNUTRIÇÃO NO SISTEMA IMUNE. Revista Ibero-americana de Humanidades, Ciências e Educação, [S. l.], v. 8, n. 3, p. 2103–2108, 2022. DOI: 10.51891/rease.v8i3.4950. Disponível em: https://periodicorease.pro.br/rease/article/view/4950. DOI: https://doi.org/10.51891/rease.v8i3.4950

SANTOS, B.S. et al. Saúde e sociedade: uma análise sobre a desnutrição energético-protéica primária infantil/ health and society. Brazilian Journal Of Health Review, [S.L.], v. 4, n. 3, p. 9886-9906, 6 maio de 2021. South Florida Publishing LLC. http://dx.doi.org/10.34119/bjhrv4n3-027. DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n3-027

SILVEIRA, M.L. et al. Knowledge, attitude and practice on regional food among families of preschool children. Revista da Rede de Enfermagem do Nordeste, [S.L.], v. 15, n. 1, p. 37-44, 16 fev. 2014. Rev Rene - Revista da Rede de Enfermagem do Nordeste. http://dx.doi.org/10.15253/2175-6783.2014000100006. DOI: https://doi.org/10.15253/2175-6783.2014000100006

SOTERO, A.M. et al. Fatores socioeconômicos, culturais e demográficos maternos associados ao padrão alimentar de lactentes. Revista Paulista de Pediatria, [S.L.], v. 33, n. 4, p. 445-452, dez. 2015.

http://dx.doi.org/10.1016/j.rpped.2015.03.006. DOI: https://doi.org/10.1016/j.rpped.2015.03.006

Published

2023-11-17

How to Cite

Lopes, A. P. S., Pitombeira, M. C., & Santos, A. C. da S. (2023). DESAFIOS NUTRICIONAIS NA POPULAÇÃO INFANTIL EM CONTEXTO DE BAIXA RENDA. Revista Contemporânea, 3(11), 22269–22292. https://doi.org/10.56083/RCV3N11-118

Issue

Section

Articles