A (IN)EFETIVIDADE DAS MEDIDAS LEGAIS NO COMBATE AO DESAPARECIMENTO DE PESSOAS

Authors

  • Natalia Araújo de Lima

DOI:

https://doi.org/10.56083/RCV3N8-181

Keywords:

Desaparecimento, Vítimas, Busca, Desconhecido, Procura

Abstract

Quando uma pessoa desaparece sem motivos ou em circunstancias suspeitas, seus familiares procuram as delegacias mais próximas a fim de que eles tomem as devidas providencias para encontra-las, porém, ao analisarmos minuciosamente tal assunto, observamos que nem sempre uma pessoa é encontrada, observamos que as taxas de desaparecimento superam drasticamente todo pensamento de um homem médio, com base nos dados do Governo Federal cerca de 40 mil crianças e 200 mil pessoas desapareceram entre os anos de 2019 a 2021, os motivos desses desaparecimentos, incluem desde a violência doméstica até a rede internacional de tráfico humano para exploração sexual e venda de órgãos. Enquanto isso as famílias travam buscas incansáveis a respeito do paradeiro deles, pois havia um lar, haviam amigos, havia uma família... a sensação de medo, incerteza e impunidade são características dessas pessoas, pois é melhor ter um cadáver para enterrar do que apenas a lembrança.

References

Assembleia legislativa do estado do rio grande do sul. 5 delegacia de porto alegre centraliza casos de desaparecimento na capital. Disponível em: https://al- rs.jusbrasil.com.br/noticias/113719437/5a-delegacia-de-porto-alegre-centraliza- casos-de-desaparecimento-na-capital. Acesso em: 08 de agosto de 2023.

Brasil. Decreto-lei no 2.848, de 7 de dezembro de 1940. Diário oficial da união, rio de janeiro, 7 de dezembro 1940. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto-lei/del2848compilado.htm. Acesso em: 08 de agosto de 2023.

Brasil. Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002.disponivel em: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/2002/l10406compilada.htm. Acesso em: 08 de agosto de 2023.

Cabral, Gabriela. Exploração Sexual. Disponível em:http://https://brasilescola.uol.com.br/sexualidade/exploracao-sexual.htm. Acesso em: 08 de agosto de 2023.

Carvalho, Rafaela Silveira de Souza Ferraz. Sem resposta: dor, luta e esperança na busca por pessoas desaparecidas, 2013. 76f. Monografia. (curso de comunicação social com habilitação em jornalismo) - universidade de São Paulo, departamento de jornalismo e editoração. São Paulo. 2013.

Cavalheiro, Patrícia. Mais de 70 pessoas por ano morrem sem identificação emporto alegre. Disponível em: http://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/noticia/2013/06/mais-de-70-pessoas-por-ano-morrem-sem-identificacao-em-porto-alegre.html. Acesso em: 08 de agosto de 2023.

Claudino, Marcos Roberto. Mortos sem sepultura: o desaparecimento de pessoas e seus desdobramentos. Florianópolis. palavracom editora. 2014.

Cornelio. Cleiton, Crime organizado e o tráfico de órgãos (2023). https://www.direitonet.com.br/artigos/exibir/12875/Crime-organizado-e-o-trafico-de-orgaos#:~:text=O%20Brasil%20ressalta%20no%20cen%C3%A1rio,m%C3%A9dica%20se%20tornando%20quadrilhas%20especializadas. Acesso em: 09 de agosto de 2023.

IBGE: 2,7 milhões de brasileiros não possuem certidão de nascimento. Disponível em: https://ibdfam.org.br/noticias/10452/IBGE:%202,7%20milh%C3%B5es%20de%20brasileiros%20n%C3%A3o%20possuem%20certid%C3%A3o%20de%20nascimento. Acesso em: 09 de agosto de 2023.

Gagliano, Pablo Stolze, PAMPLONA FILHO, Rodolfo. Novo Curso de Direito Civil. Volume I – Parte Geral. 6. ed. rev. e atual. - São Paulo: Saraiva, 2005.

Instituto Geral de Pericias. Departamento de Identificação. Disponível em: http://www.igp.rs.gov.br/index.php?option=com_content&task=view&id=23&itemid= 36. Acesso em: 09 de agosto de 2023.

Lei 13.812/ 2019. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2019-2022/2019/lei/l13812.htm. Acesso em: 09 de agosto de 2023.

Medeiros, Luciana Antonieta e Lustosa, Maria Alice. A dificil tarefa de falar sobre a morte no hospital. Vol.14 n° 2. Rio de Janeiro, 2011 Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script-sci_arttext&pid=s1516-08582011000200013. Acesso em: 09 de agosto de 2023.

Rocha, Ali. Indigentes. Disponível em: http://apublica.org/2016/11/indigente/.

Acesso em: 09 de agosto de 2023.

Tavares, Paulo Roberto. RS é rota do tráfico de pessoas, terceiro crime mais lucrativo do mundo. 2016. Disponível em: https://www.correiodopovo.com.br/not%C3%ADcias/geral/rs-%C3%A9-rota-do-tr%C3%A1fico-de-pessoas-terceiro-crime-mais-lucrativo-do-mundo-1.206684. Acesso em: 09 de agosto de 2023.

Published

2023-08-30

How to Cite

de Lima, N. A. (2023). A (IN)EFETIVIDADE DAS MEDIDAS LEGAIS NO COMBATE AO DESAPARECIMENTO DE PESSOAS. Revista Contemporânea, 3(8), 13287–13304. https://doi.org/10.56083/RCV3N8-181

Issue

Section

Articles